QUEM SOU EU

Minha foto
A FRATERNIDADE IMACULADA CONCEIÇÃO foi fundada em 29 de novembro de 2014.. Desde o final de 2009, reúne-se aos terceiros domingos, às 8:30h, na Paróquia Imaculada Conceição e São Sebastião, no Engenho de Dentro, à Rua Catulo Cearense, nº 26, Rio de Janeiro. Atualmente, somos 8 irmãos professos, 1 formanda, 2 simpatizantes, 2 amigos/visitantes. Temos como assistente espiritual Frei Aender, OFMCap. A Fraternidade Imaculada Conceição (em formação) promove, no primeiro domingo de cada mês, a venda do “Bolo de São Francisco”, cuja renda tornou-se uma pequena contribuição para as obras da Capela de Nossa Senhora da Paz, que está sendo construída na Comunidade Camarista Méier. Os membros da fraternidade participam da equipe de Liturgia na missa que é celebrada no local da construção da capela e de dos diversos serviços pastorais de suas paróquias.

Vídeos

Loading...

Peregrinação Roma / Assis

Peregrinação Roma / Assis
Peregrinação Roma / Assis - 2015 Informações www.qualitaturismo.com.br/italia-20- 29/07

Calendário - Maio - 2015

3/5 - Venda do Bolo de São Francisco
9/5 -Coroa Franciscana das Sete Alegrias de Nossa Senhora- 16 h
17/5 - Reunião geral - 8:30h.
31/5 - Coroação de Nossa Senhora- 8:30h.

segunda-feira, 24 de janeiro de 2011

Festa de São Sebastião - Paróquia Imaculada Conceição e São Sebastião

A comunidade do Engenho de Dentro comemorou o dia do padroeiro do Rio de Janeiro com muita festa e alegria. Houve o tríduo preparatório, procissão, missa campal, festa com barraquinhas e muita música.
Que São Sebastião interceda por todos nós; que nossa cidade seja sempre abençoada por Cristo; que façamos de nossas vidas, a exemplo de São Sebastião, o anúncio do evangelho, a fidelidade e a demonstração de amor a Deus.
                  
                                                    
Oração a São Sebastião
Glorioso mártir São Sebastião,
soldado de Cristo
e exemplo de cristão,
hoje vimos pedir
a vossa intercessão
junto ao trono do Senhor Jesus,
nosso Salvador,
por Quem destes a vida.
Vós que vivestes a fé
e perseverastes até o fim,
pedi a Jesus por nós
para que sejamos
testemunhas do amor de Deus.
Vós que esperastes com firmeza
nas palavras de Jesus,
pedi-Lhe por nós,
para que aumente
a nossa esperança na ressurreição.
Vós que vivestes a caridade
para com os irmãos,
pedi a Jesus para que aumente
o nosso amor para com todos.
Enfim, glorioso mártir São Sebastião,
protegei-nos contra a peste,
a fome e a guerra;
defendei as nossas plantações
e os nossos rebanhos,
que são dons de Deus para o nosso bem
e para o bem de todos.
E defendei-nos do pecado,
que é o maior
de todos os males.
Assim seja.

sexta-feira, 14 de janeiro de 2011

Carta do Ministro da Fraternidade Regional da Ordem Franciscana Secular Sudeste 2

ORDEM FRANCISCANA SECULAR DO BRASIL
REGIONAL SUDESTE II
RIO DE JANEIRO E ESPÍRITO SANTO


C. 03/2011

Rio de Janeiro, 13 de janeiro de 2011


Ao Conselho da Fraternidade Local

“Em nome da Suma Trindade e da santa Unidade do Pai e do Filho e do Espírito Santo” Amém. (CO)

A todos os queridos irmãos, Paz e Bem em Nosso Senhor Jesus Cristo.

Diante dos últimos acontecimentos metereológicos por nós assistidos na região serrana do estado do Rio de Janeiro, onde até o presente momento já se contabilizam mais de 220 mortos, nós, Família Franciscana Secular deste regional Sudeste II, queremos nos unir em oração aos nossos irmãos que lá habitam. Diante de tamanha tragédia nos faltam as palavras. E mais do que palavras se faz urgente a nossa presença fraterna através de doações que poderão salvar vidas e levar um pouco de alento a quem perdeu tudo.
Pedimos o apoio de nossas fraternidades para encaminharmos com urgência nossas doações para serem ofertadas nas localidades onde estão situadas nossas fraternidades irmãs de Petrópolis (Sagrado Coração de Jesus e Nossa Senhora dos Anjos), Teresópolis (São Leopoldo Mandic) e Nova Friburgo (São Roque) as seguintes doações: água mineral, leite em pó e produtos de higiene pessoal (fraldas descartáveis, absorventes, sabonetes, creme dental e escovas de dentes).
Estas doações deverão ser encaminhadas, neste primeiro momento, para os seguintes locais:
·        Cruz Vermelha - Praça da Cruz Vermelha, 10 – Centro do Rio.
·        Rodovia BR-040 - Concer - Praças de pedágio da BR-040 situadas em Duque de Caxias (km 104), Areal (km 45) e Simão Pereira (km 816), além da sede da empresa (km 110/JF, em Caxias).
·        Supermercados – Grupo Pão de Açúcar
·        Rodoviária Novo Rio - Avenida Francisco Bicalho, 1 - Santo Cristo.
·        Polícia Militar - Todos os batalhões da Polícia Militar do estado serão centros de recepção de doações.
Além disso o HemoRio, situado à rua Frei Caneca, 8, Centro do Rio de Janeiro, solicita urgentemente a doação de sangue, para ser enviado as cidades afetadas.



Hélio da Costa Gouvea, OFS
Ministro Regional

domingo, 9 de janeiro de 2011

A VIDA DE SÃO SEBASTIÃO

São Sebastião, Padroeiro do Rio de Janeiro; Protetor contra peste, fome e guerras

São Sebastião nasceu em Narvonne, França,no final do século III, e desde muito cedo seus pais se mudaram para Milão, onde ele cresceu e foi educado. Seguindo o exemplo materno, desde criança São Sebastião sempre se mostrou forte e piedoso na fé.
Atingindo a idade adulta, alistou-se como militar, nas legiões do Imperador Diocleciano, que até então ignorava o fato de Sebastião ser um cristão de coração. A figura imponente, a prudência e a bravura do jovem militar, tanto agradaram ao Imperador, que este o nomeou comandante de sua guarda pessoal.
Nessa destacada posição, Sebastião se tornou o grande benfeitor dos cristãos encarcerados em Roma naquele tempo.
Visitava com frequência as pobres vítimas do ódio pagão, e, com palavras de dádiva,consolava e animava os canditados ao martírio aqui na terra, que receberiam a coroa de glória no céu.
Enquanto o imperador empreendia a expulsão de todos os cristãos do seu exército, Sebastião foi denunciado por um soldado.
Diocleciano sentiu-se traído, e ficou perplexo ao ouvir do próprio Sebastião que era cristão.
Tentou, em vão, fazer com que ele renunciasse ao cristianismo, mas Sebastião com firmeza se defendeu, apresentando os motivos que o animava a seguir a fé cristã, e a socorrer os aflitos e perseguidos.
O Imperador, enraivecido ante os sólidos argumentos daquele cristão autêntico e decidido, deu ordem aos seus soldados para que o matassem a flechadas.Tal ordem foi imediatamente cumprida:num descampado, os soldados despiram-no, o amarraram a um tronco de árvore e atiraram nele uma chuva de flechas.
Depois o abandonaram para que sangrasse até a morte.
À noite, Irene, mulher do mártir Castulo,foi com algumas amigas ao lugar da execução,para tirar o corpo de Sebastião e dar-lhe sepultura. Com assombro, comprovaram que o mesmo ainda estava vivo.
Desamarraram-no, e Irene o escondeu em sua casa, cuidando de suas feridas. Passado um tempo, já restabelecido, São Sebastião quis continuar seu processo de evangelização e, em vez de se esconder, com valentia apresentou-se de novo ao imperador, censurando-o pelas injustiças cometidas contra os cristãos, acusados de inimigos do Estado.
Diocleciano ignorou os pedidos de Sebastião para que deixasse de perseguir os cristãos,e ordenou que ele fosse espancado até a morte, com pauladas e golpes de bolas de chumbo. E, para impedir que o corpo fosse venerado pelos cristãos, jogaram-no no esgoto público de Roma.
Uma piedosa mulher, Santa Luciana, sepultou-o nas catacumbas. Assim aconteceu no ano de 287.
Mais tarde, no ano de 680, suas relíquias foram solenemente transportados para uma basílica construída pelo Imperador Constantino, e onde se encontram até hoje. Naquela ocasião, Roma estava assolada por uma terrível peste, que vitimou muita gente.
Entretanto, tal epidemia desapareceu a partir da hora da transladação dos restos mortais desse mártir, que é venerado como o padroeiro contra a peste, fome e guerra.
As cidades de Milão, em 1575 e Lisboa, em 1599, acometidas por pestes epidêmicas,se viram livres desses males, após atos públicos suplicando a intercessão deste grande santo.
São Sebastião é também muito venerado em todo o Brasil, onde muitas cidades o tem como padroeiro, entre elas, o Rio de Janeiro.
(texto extraído do site: http://www.homemsonhador.com)